The 84th Academy Awards (Oscar 2012) – Premiação

E ai galera,

Postar sobre um prêmio que não tem como não falar né? Esperamos o ano todo para torcer pelos nossos filmes favoritos. Aliás, o prêmio também serve como indicações de filmes para vermos, que muitas vezes só estréiam na época de Oscar e não temos oportunidade de julgar antecipadamente (até que esse ano conseguimos, graças a mãe internet).

Antes de falar sobre os prêmios, falar que Oscar é um prêmio que eu espero o ano todo. Eu vi todo o pré-show, exatamente quando vai começar a premiação, ACABA A LUZ aqui em casa e eu perdi TODA premiação, que ódio rs.

Enfim, vamos aos prêmios.

 

Começando com a premiação melhores efeitos visuais, que foi para o filme Hugo (Invenção de Hugo Cabret), o que é indiscutível. Prêmio de melhor maquiagem foi para The Iron Lady (A Dama de Ferro).

Prêmio de melhor figurino foi para The Artist (O Artista), que entre os indicados, é outro prêmio indiscutível (único filme que teria chance contra ele, que merecia estar nos indicados, é Midnight In Paris). Melhor Edição de Imagem foi para The Girl with the Dragon Tattoo (Millennium – Os Homens que Não Amavam as Mulheres).

Prêmio de melhor fotografia, melhor edição de arte, melhor mixagem de som e melhor Edição de som foram para Hugo (Invenção de Hugo Cabret).

Melhor canção original foi para Bret Mckenzie, do filme The Muppets com a canção Man Or Muppet e melhor trilha sonora foi para The Artist (O Artista), outro prêmio esperado.

Melhor animação em curta-metragem foi para The Fantastic Flying Books of Mr. Morris Lessmore e melhor curta-metragem foi para The Shore.

Prêmio de melhor documentário em curta-metragem foi para Saving Face e melhor documentário em longa-metragem foi para Undefeated.

Agora indo para as categorias universais (as anteriores eram secundárias).

 

Prêmio de melhor filme esteangeiro foi para Jodaeiye Nader az Simin (A Separação de Nader e Simin) e melhor animação foi para Rango.

Prêmio de melhor roteiro adaptado foi para The Descendants (Os Descendentes) e prêmio de melhor roteiro original foi para Midnight In Paris (Meia Noite em Paris). Eu sinceramente achei que Tinker Tailor Soldier Spy (O Espião que Sabia Demais) mereceria mais que The Descendants o prêmio de melhor roteiro adaptado e o prêmio do Midnight In Paris, achei merecido, um grande que filme.

Prêmio de melhor atriz coadjuvante foi para Octavia Spencer em The Help (Histórias Cruzadas). Eu estava torcendo para Bérénice Bejo, que fez The Artist, mas é aceitável, porque a Spencer trabalhou muito bem em The Help. Prêmio de melhor ator coadjuvante foi para Christopher Plummer, em Beginners.

Prêmio de melhor atriz foi para Meryl Streep, em The Iron Lady (A Dama de Ferro). Sinceramente eu não estava torcendo pra ela e eu acho que ela não merecia o prêmio, acho que Michelle Williams em My Week With Marilyn (Sete dias com Marilyn) merecia muito mais o prêmio e a Viola Davis também, que fez The Help (Histórias Cruzadas).

Prêmio de melhor ator foi para Jean Dujardin em The Artist, o que não é nenhuma novidade, fez um excelente trabalho no filme, só tenho que parabenizá-lo.

Pra finalizar, o prêmio de melhor diretor foi para Michel Hazanavicius, do filme The Artist (O Artista). Eu estava em dúvida entre ele ou o Woody Allen, do Midnight In Paris (Meia Noite Em Paris), mas ambos foram excepcionais, quem levasse mereceria.

E o prêmio de melhor filme, quem levou foi o esperado, The Artist (O Artista), que realmente junto com o Midnight In Paris, foram os melhores filmes do ano. Merecidíssimo, um grande filme.

Esse ano, pelas premiações, claro, alguns eu não concordei, como a melhor atriz, mas a grande maioria já era esperado, e foi bastante merecido. Acho que o filme The Artist está de parabéns, pois foi um filme magnífico, junto com Midnight In Paris (último filme que vi que fiquei tão encantado como eles, foi Black Swan) e outro filme que merece destaque é Hugo, que teve o melhor 3D que eu vi.

Tintin achei um filme injustiçado, por não entrar entre os indicados, pois é de longe a melhor animação de 2011 e My Week With Marilyn também, merecia pelo menos ficar entre os indicados de melhores filmes.

Os grandes vendedores da noite foram The Artist (O Artista) e Hugo (A Invenção de Hugo Cabret), ambos com 5 prêmios.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s