Girls, The Client List e Scandal

E ai galera,

Fala sobre a série Girls da HBO que muitos falam quer pode ser a nova Sex And The City (que por sinal tem um pôster na parede de uma das protagonistas), mas que na verdade não tem nada haver rs.

A série começa com uma conversa de pais para filha (Hanna) sobre eles não quererem mais sustentar os luxos da filha, que ela está bem crescida, concluiu faculdade e estava na hora de poder se sustentar.

Acredito que a série vai mostrar a vida de cada uma ali (as quatro principais amigas), foda é isso de que não é novidade nenhuma as pessoas serem fracassadas nessas séries de comédia, tendo estudado, planejado um futuro foda e se fodendo (vide Apartment 23, Friends, etc), querendo mostrar que a vida não ta fácil pra ninguém. Como eu já falei em alguns posts, eu prefiro ver algumas ilusões, cenas felizes e fugir um pouco disso de fracasso, corrupção, etc.

Recomendo a série, acredito que será uma boa comédia da HBO, diferentemente de Enlightened :x, que eu nem sei por que está caracterizada no gênero comédia se não tem nada haver com comédia.

Agora falar sobre The Client List, a série da Sony que foi baseada no filme que saiu em 2010 (o filme possui o mesmo nome da série). A série conta com a linda Jennifer Love Hewitt como personagem principal.

O enredo da série é sobre Riley Parks (Jennifer Love Hewitt) que é casada com um ex-jogador de futebol americano, que teve que se aposentar por causa de um problema no joelho. Logo após seu marido lhe deixar sem algum motivo, Riley começa a trabalhar em uma clínica de massagem para poder sustentar a família (ela possui mais dois filhos). O problema é que os clientes de Riley não estão interessados somente em massagem.

A série até que é interessante, porém eu sinceramente não sei se vou continuar acompanhando, além de eu ter muitas séries acumuladas, o enredo não me atraiu a ponto de acompanhar. A série terá 10 episódios, talvez essa é a única motivação que eu tenha pra vê-la.

“Vida normal é um sonho. Você a ama, ela ama você. Pessoas normais se casam.”

“Você nem namora.”

“Eu não sou normal.”

Pra finalizar o post, irei falar sobre Scandal, série da ABC. Em alguns lugares está como Scandal US ou Scandal (2012), é por que em 1989 teve um filme britânico que também se chama Scandal, que não tem nada haver com a série.

A série tem na direção a talentosa Shonda Rhimes (Grey’s Anatomy e Private Practice) e no elenco Kerry Washington (Alicia Masters, em Fantastic Four), Tony Goldwyn (Dexter e The Last Samurai) e o grande Henry Ian Cusick (Desmond, em Lost).

A série se trata sobre uma empresa de advocacia particular, chamada Price & Associates, que tem o objetivo de defender a imagem de pessoas importantes dos EUA. Trabalham como se fosse no submundo, porém não corrompida, ela funciona um pouco como a CTU (24 Horas), só que mais restrita e com menos recursos, como em Person Of Interest, bem selecionada e não tão dentro da lei, mas procurando fazer o certo.

Das séries que eu fale aqui, é a que mais me interessou e mais me motivou para continuar a assistir.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s