Continuum – Season Premiere

E ai galera,

Falar hoje sobre a Season Premiere de Continuum, série nova da Showcase, que tem como produtor Jon Cassar (24 Horas Redenção e The Kennedys) e no elenco Rachel Nichols (Star Trek, Conan), Erik Knudsen (SAW 2, Scott Pilgrim) e Brian Markinson (Inimigos do Estado, Atirador).

A série se passa em 2077 e começa com a prisão de Edouard Kagame, um líder do grupo terrorista Libert8 (Libertação). Ele e seu grupo são condenados a morte, porém na hora na execução, o grupo solta um dispositivo e todos desaparecem, inclusive Kiera Cameron (Rachel Nichols), que é uma policial.

Ambos viajam no tempo e voltam pra 2012. Depois de interrogar Lucas Ingram, Keira descobre que o objetivo do grupo é acabar com a política que vive em 2077, que é uma quase ditadura.

Keira conta com a ajuda de Alec Sandler, um jovem hacker que está criando o programa que será no futuro, o programa utilizado pela polícia local (que é o programa utilizado atualmente por Keira).

Sobre a série, a história eu achei um pouco batida, essa coisa de viagem no tempo pra consertar o futuro que está uma merda ou pra conseguir objetivos pessoais ta manjada demais. A série até parece que será boa, mas não acho que vai ser o hype que muita gente está fazendo sobre a mesma, achei a série normal demais, sem grandes toques de genialidade, apenas mais uma série legal.

Senti falta de explorarem mais os locais, acho que correu com muitas informações, esse episódio poderia ser duplo, explicando tudo, seria melhor e não seria tão corrido, com bastantes personagens aparecendo.

O final se fosse feito pelo J.J. Abrams seria muito mais foda, com certeza, ele sabe fazer mistérios simples parecerem fodas, vide em Alcatraz, quando descobrimos que Tom era um guarda de Alcatraz no primeiro episódio, ou segundo, se me recordo bem.

Eu até tava curtindo bem a série quando tava no futuro, tava imaginando em uma possível Battlestar Gallactica nova rs (eu não lembrava da sinopse da série), porém quando foi pro passado, começou essa de perseguiçãozinha de polícia, começou a me mostrar que tem um grande risco de ser mais uma série pseudo policial mediana, o que espero que não, porque a série ta vindo como promessa.

Eu vou acompanhar a série, até porque serão somente dez episódios, porém não vou me surpreender se eu deixar a série pra lista das que eu verei antes de começar a season two, como fiz com outras séries, como Touch, Missing (foi cancelada) e Magic City, que vou ver quando eu acabar com algumas séries que to acumulado.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s